Arquivo da categoria: Noticias

PROJETO “MÃOS QUE SALVAM” CAPACITOU 600 ESTUDANTES PARA ATENDIMENTOS DE PRIMEIROS SOCORROS

Professores e alunos colhem resultados muito positivos sobre efetividade da transmissão do conhecimento tratado no projeto de extensão

Qualquer um de nós pode vir a presenciar uma situação de emergência, por isso, estar preparado para agir é essencial. O atendimento inicial dado a vítimas em situações de risco, antes da chegada de um profissional de saúde especializado pode ser decisivo para evitar a morte ou possíveis sequelas no paciente. Entre as orientações básicas neste tipo de atendimento está o acionamento imediato de profissionais especializados, como socorristas do SAMU e do Corpo de Bombeiros. Porém há procedimentos indicados que podem ser feitos por qualquer pessoa instruída por essas técnicas, sem a necessidade do especialista, como por exemplo a manobra de reanimação cardiorrespiratória.

Alunos da Escola Estadual Padre José Senabre estão capacitados a atender os primeiros socorros

O município de Vespasiano não conta com o serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), por isso o projeto de extensão da FASEH “Mãos Que Salvam”, elaborado por docentes de Medicina, capacita agentes comunitários de saúde e estudantes do ensino médio da região para realizar manobras de primeiro atendimento e suporte básico de vida. “Os agentes de saúde estão em contato constante com a população e, na ausência do SAMU, precisam estar capacitados para prestar os primeiros socorros”, afirma o professor Daniel Fernandes, que orienta os alunos de medicina no projeto.

O projeto começou em 2018 e no primeiro semestre, os alunos do curso de medicina da FASEH foram preparados por meio de um treinamento massivo em competências procedimentais e atitudinais necessárias para as primeiras medidas de suporte básico de vida.

Acadêmicos de Medicina da FASEH dão aulas de primeiros socorros em escola pública de Vespasiano

Após atingir um nível de excelência e se tornarem aptos a instruir outras pessoas, os alunos passaram a ensinar as técnicas de primeiros socorros aos estudantes da Escola Estadual Padre José Senabre, onde, na última semana, já foram treinados 600 alunos que que estudam no turno da manhã, do 7º ao 9º ano. Com índice de aproveitamento alto e uma taxa de sucesso de mais de 85% nas práticas, o professor Daniel Fernandes considera que os alunos absorveram bem o conhecimento. Outro dado de destaque é a taxa de 100% de acerto dos alunos na manobra de reanimação cardiorrespiratória.

Para o mês que vêm, o projeto Mãos Que Salvam dará continuidade às aulas para capacitar mais 600 alunos da Escola Padre José Senabre.

 

CURSO DE DIREITO DA FASEH DISCUTE AS INOVAÇÕES TECNOLÓGICAS DO UNIVERSO JURÍDICO

Tradicional Semana Jurídica recebe especialistas para falar do mercado e o uso de Inteligência artificial para decidir processos

A sexta edição da Semana Jurídica da Faculdade da Saúde e Ecologia Humana aconteceu nos últimos dias 22 e 23 de agosto na cidade de Vespasiano. Com a programação adiada em função da greve dos caminhoneiros no primeiro semestre de 2018, a última edição da Semana reuniu especialistas, professores e alunos para analisarem o futuro das tecnologias no universo do Direito. O evento foi aberto ao som da banda Zumbizera, formada por alunos do curso de Medicina.

Os professores Gustavo Figueiroa e Patrícia Gusmão entregam o prêmio do Concurso de Oratória para Flávia Machado

 

Para a Coordenadora do curso de Direito Profa. Patrícia Gusmão os processos virtuais já são uma realidade e o mercado impõe cada vez mais desafios ao profissional da área. “Hoje eu não posso mais formar um bacharel em Direito com uma competência apenas processual. Ele deve absorver outras inteligências como a negociação, conciliação e a mediação”, afirma a coordenadora. “Além disso, nós temos um novo nicho: profissionais do direito voltados para as iniciativas que querem resolver os problemas do mundo jurídico, que são as start-ups jurídicas ou as Legal Techs”, continua Gusmão.

Para debater o assunto, o primeiro dia da Semana Jurídica recebeu na FASEH o Prof. Bruno Apolinário, a Profa. Luciana Leal e os jovens juristas e empreendedores mineiros Tomaz Chaves e Gabriel Magalhães, para conversarem sobre o mercado da Advocacia 4.0 e das Law Techs. Já no segundo dia, a convidada foi a Juíza Bárbara Isadora Sebe Nardy pra falar do uso da Inteligência Artificial nas decisões do Poder Judiciário.

Advocacia digital

Da esquerda para a direita, o advogado Gustavo Magalhães, o professor Bruno Apolinário, a professora Luciana Leal e o jurista Tomaz Chaves para debater as inovações tecnológicas no Direito

 

Um dos trabalhos que mais surpreendeu o público foi o aplicativo Freelaw, desenvolvido pelo advogado mineiro Gabriel Guerra Magalhães. O jovem jurista observou que existe uma oscilação na demanda por assistência jurídica. “Todo mundo busca um advogado quando está com algum problema. O advogado fica a mercê disso. Não há muito o que fazer quando não se tem clientes. Eu precisava de uma opção de mão de obra para as demandas urgentes, por isso fui ao mercado”, contou Gabriel. Assim nasceu a start-up Freelaw.

Funcionando como uma rede de freelancers, o aplicativo permite que profissionais e escritórios de advocacia encontrem-se em uma plataforma para repassar e delegar demandas, básicas e complexas dos escritórios, da petição inicial a anulação societária. O aplicativo realiza um “matching inteligente” entre o pedido e o prestador do serviço, tendo em vista a natureza do pedido, a complexidade e a exigência do solicitante. O aplicativo ainda ranqueia os profissionais de acordo com um banco de referências de publicações e pela experiência do advogado.

Gabriel também ressalta a empolgação dos estudantes em querer conhecer mais sobre as possibilidades da advocacia 4.0. “Foi muito frutífero ver tantos alunos interessados em um tema que é novo para o Direito. Trocamos ideias e contatos e estou conversando com alguns alunos e ajudando-os em seus projetos também”, pontua Magalhães.

Concurso de Oratória premia destaques

Habilidade fundamental na ciência jurídica, o desenvolvimento da oratória é estimulado pelo curso de Direito da FASEH. Para premiar e destacar os alunos, a faculdade também promoveu um concurso de oratória que teve como  vencedora a aluna Flávia Rafaela Machado, que escolheu o tema dos direitos de refugiados para tecer seu discurso. “É uma pesquisa que me interessa há algum tempo. Achei necessário abordar esse tema, pois, na época, estávamos assistindo a entrada de muitos venezuelanos no país. Gostei muito de ter trazido as questões dos refugiados para a faculdade, não só pelo concurso, mas para debater esse assunto que é tão importante para o Direito”, afirmou a vencedora.

EDITAL DO PROGRAMA DE BOLSA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA – PROBIC

Disponibilizamos o edital de convocação para inscrições de alunos e professores interessados no Programa de Bolsa de Institucional de Iniciação Científica – PROBIC, no período de 02 a 31 de agosto de 2018.

O programa conta com bolsas para os cursos de Medicina, Enfermagem, Fisioterapia e Direito

Para mais informações, gentileza procurar a Daniela no setor da Comissão Própria de Avaliação (CPA) ou por meio do telefone 2138-2941.

Para acessar o edital completo, clique aqui.