312138-2900




ESPECIALISTAS VÃO PRODUZIR O I SIMULADO DE EMERGÊNCIA DA FASEH


Profissionais de produção, maquiagem e teatro vão tornar encenação de catástrofe o mais próxima do real

No próximo sábado, a avenida Dr. Ari Teixeira, no centro de Vespasiano, vai virar cenário de um treinamento de socorro a múltiplas vítimas de um desastre, com a participação de cerca de 500 pessoas. O evento promovido pela Faculdade da Saúde e Ecologia Humana – FASEH – é o maior deste tipo, já realizado em Minas, e pretende preparar estudantes, profissionais de saúde e comunidade em geral para a reação apropriada, diante de eventualidades como estas, sejam elas causadas por catástrofes naturais, acidentes ou atentados promovidos por criminosos, para que se possa salvar o maior número de vidas possível.

O grupo que trabalha na produção do simulado conta com a participação de profissionais especializados neste tipo de evento, para montagem da estrutura, maquiagem e preparação teatral das pessoas que vão atuar na encenação. Uma equipe altamente qualificada para um evento inédito na cidade!

Daniel dos Santos Fernandes – Coordenador

Professor dos cursos de Enfermagem e Medicina da FASEH, formado há 8 anos, pela PUC Minas, especialista em trauma, emergência e terapia intensiva, com residência no Odilon Behrens e especialização na Ciências Médicas, membro da Câmara Técnica do Conselho Regional de Enfermagem e integrante da mesa diretora da Associação Brasileira de Medicina de Emergência, da cadeira de enfermagem.
6 anos de experiência em simulados de emergência, trabalhou em 4 pela FAMINAS, com acidente no metrô, incêndio em shopping, reconstituição do desabamento da Vila Barraginha e a da queda do viaduto Guararapes.
“Os simulados, cada vez mais, têm ganhado importância no processo de formação, tanto da graduação, quanto da pós-graduação, nas residências médicas, de enfermagem, nas multiprofissionais, de fisioterapia, psicologia, serviço social. Esta mão-de-obra precisa estar preparada para atender a esta demanda que, infelizmente, pode acontecer a qualquer momento. Não é algo que a gente espera que aconteça mas, se acontecer, a gente precisa estar preparado para isto”.

Anderson Borgas – maquiador

Enfermeiro, pós-graduado em urgência e emergência e em docência superior, com mestrado em enfermagem em Buenos Aires. Experiência de 6 anos em teatro, formação em maquiagem artística com cursos no Canadá, Austrália e EUA. Trabalha há 18 anos com atendimento pré-hospitalar, dá cursos e treinamentos de primeiros socorros e faz maquiagem para simulados de emergência, com explosões, produtos perigosos, inflamáveis, em ocorrências variadas.
“A experiência em teatro e atendimento pré-hospitalar, me ajudam a criar uma maquiagem artística, traumática, bem realista, pelo conhecimento profissional das lesões e também a criar o cenário simulado. Com o material importado que uso, consigo criar amputações traumáticas, evicerasções, fraturas expostas, traumatismo craniano, ferimento por arma de fogo ou branca, traumas de face e muito mais”.

Tiago Alves da Silva – preparador teatral

Ator desde os 10 anos de idade, fez cursos de filmagem, fotografia, interpretação, teatro Kabuki, teatro de rua e circo, maquiagem cênica e artes plásticas. Sonoplasta, técnico em audiovisual, projetista de iluminação e iluminador, cenógrafo, preparador cênico, codiretor e diretor de espetáculo.

Já organizou 4 simulações de catástrofes, com treinamento de vítimas, como as de um capotamento no centro de BH, juntamente com Bombeiros e SAMU.

“Minha experiência com simulação começou há 4 anos. Enquanto no teatro tudo é ensaiado – falas, marcações, deixas – e o que se faz é encenar uma ficção, na simulação, os personagens são quase reais – pacientes, médicos, enfermeiros. Se representa uma história da vida real com objetivo de aprendizado, conhecimento acadêmico e profissional”.

 

RUA SÃO PAULO 958, Jardim Alterosa - VESPASIANO - MG CEP 33200-000
CONTATO 55 (31) 2138-2900
BHY Tecnologias